Agende sua avaliação agora mesmo! (13) 3385-1411

Acne

 

A acne está relacionada com os hormônios sexuais (andrógenos), que interferem diretamente no aumento de secreção do sebo pelas glândulas sebáceas. O excesso da produção de gordura se acumula e não consegue ser expelido, formando o comedão, também conhecido como cravo (aberto ou fechado).

A evolução desse processo, sem nenhum tipo de tratamento, resulta no aparecimento de bactérias, que causam a inflamação com pus na região, podendo chegar a níveis ainda mais graves, com pequenos nódulos ou cicatrizes.

Quais são os sinais clínicos da acne?

    A acne pode ser representada por diversas formas:

  • Seborréia: Excesso da secreção sebosa nas glândulas. A pele fica oleosa e brilhante.
  • Comedão: É o famoso cravo, que pode ser aberto ou fechado.
  • Pápula: É uma lesão arredondada e endurecida.
  • Pústula: Como o próprio nome indica, quando há formação de pus.
  • Cisto: É um abscesso localizado.
  • Cicatriz: Marcas de cicatrização.

Como devo tratar a acne no dia a dia?

  • Primeira regra: não espremer. Muitas vezes a mão suja pode levar ainda mais bactérias para a pele e agravar o problema;
  • Preste atenção na composição de todos os produtos que estiver passando no rosto. Existem cremes disponíveis em mercados e farmácias que ressecam a pele e transmitem a sensação de melhora, mas na verdade estão mascarando o resultado;
  • Fique calmo, a acne tem cura e pode ser apenas uma fase;
  • Faça sempre o uso de protetor solar para proteger a pele;
  • Tratamento para pele acneica